Dicas de Pilotagem

Dicas de Pilotagem #4: O Traçado Ideal na Chuva

Neste 4º vídeo sobre dicas de pilotagem, explico como achar o traçado ideal na chuva, tanto para quem anda com pneus para pista seca como para pista molhada.

Dicas de Pilotagem #4: O Traçado Ideal na Chuva

Olá pessoal, tudo bem? Aqui é o Cristian e desde que eu comecei a colocar alguns vídeos no youtube sobre dicas de pilotagem, sobre traçado, como você deve executar, zebras, essas coisas e tal, as pessoas começaram a me perguntar sobre como é que deve ser o traçado quando piso está molhado, ou seja: na chuva eu devo pilotar da mesma maneira, devo contornar curvas do mesmo jeito ou não?

Bom, por isso eu preparei esse vídeo pra você..
.
A gente já sabe qual que é a regra geral e a exceção na questão do traçado no piso seco. Na regra você pelo lado externo, freia reto, tangencia e fica por dentro no primeiro ponto da curva, no ponto médio da curva e começa a soltar o kart conforme retoma a aceleração, beleza. Todo mundo está fazendo isso no seco. Então o que está acontecendo com a pista? Está ficando cada vez mais emborrachada, e cada vez que um piloto passa por lá, freia e vira e força a aderência ele está deixando mais camadas de pneu grudadas no asfalto. Isso vai emborrachando a pista, a pista vai ficando cada vez mais com borracha no asfalto. Isso no seco é ótimo. Com a pista bem emborrachada, o grip é muito mais forte nas curvas, você consegue aproveitar, ganhar tempo, sempre mantendo no traçado. Porém na chuva essa camada de borracha que está no asfalto, quando molha, vira um sabão, ou seja, ela impede que o pneu (quando encosta) nessa borracha, impede que ela gere aderência, ou seja, essa borracha faz o pneu escorregar mais do que se tivesse apenas com asfalto e água. Então a moral da história é: fuja da borracha. Se a pista está molhada, o traçado ideal então acaba sendo invertido. Onde tem borracha é onde você NÃO quer passar.

Eu já deixei desenhado aí um traçado com o piso seco. Vou comentar com vocês essa curva aqui com traçado molhado, ok?

Vamos lá se a gente vai fugir da borracha, não venha pelo mesmo lugar aonde todo mundo freia, já venha “fora do trilho”. Obviamente como mesmo fora da borracha o piso está molhado, você tem que frear antes, você não tem a mesma aderência, você começa a frear antes. Na hora de tomar pro início da curva, ou seja, a hora que você começar a virar, você vai estar passando em cima do trilho, então recomendo atrasar a hora de esterçar o volante, ou seja, você freando passa reto onde estaria todo mundo virando, aonde a pista estaria emborrachada, e começa a tangenciar um pouco pra fora, ou seja, você vai fazer a curva fora da borracha, entendeu?

Fazendo a curva fora da borracha, você garante a máxima aderência possível no piso molhado. Na saída da curva você vai cruzar de novo aonde está todo mundo deixou a pista emborrachada. Então a dica é você acertar o kart na saída da curva pra você cruzar a borracha já com o volante reto e já com um peso equilibrado nas quatro rodas.

Então você vai já acertar o kart acelerar cruzando por aqui ó. Entendeu? (veja vídeo) Dessa maneira você foge da borracha, você consegue contornar a curva, utilizando o máximo de aderência possível que o piso molhado permite.

Isso vale tanto para uma curva como para duas curvas, S, não é S, se são três… ou seja, tanto na regra quanto na exceção de traçado quando você tem uma curva ou conjunto de curvas vale a pena fugir da borracha no molhado.

Aqui vai um detalhe importante. Essa explicação vale para todos os tipos de pneus quanto para pista seca quanto para pista molhada, o conceito é o mesmo.

Pessoal, uma coisa importante. O que eu estou falando é sempre via de regra. É claro que vai ter traçados ou circuitos que vai ter um pedaço de concreto remendando o asfalto, ou que o asfalto está um pouquinho esburacado, ou que tem diferença de relevo e que isso acaba influenciando no seu traçado, então aí vale a pela a observação. Eu já vi casos em que a gente mesmo no molhado tem que fazer um traçado correto, como se estivesse no seco, porque o relevo impede que você seja mais rápido do que fora da borracha. Entendido?

Vale a pena a observação nesse caso. Se você tiver qualquer dúvida, por favor posta aí nos comentários que eu vou tentar te ajudar e responder.

Se você gostou do vídeo, por favor clique em gostei, isso me ajuda muito. Se você tem gostado do que eu tenho desenvolvido, clica em se inscrever no canal assim você fica dentro de todas as novidade.

Pessoal acho que hoje fico por aqui, muito obrigado, um abraço até mais.

Você tem alguma dúvida sobre pilotagem de kart ou carro? Pergunte através dos comentários abaixo!

Seguindo este canal, mesmo quem não tem experiência em pilotagem de competição poderá rapidamente aprender como executar o traçado ideal em uma pista.

Inscreva-se no canal aqui: https://www.youtube.com/subscription_center?add_user=pistaepilotagem